CIRURGIA DE ORELHAS

Cirurgia Plástica Landecker

A cirurgia de orelhas, ou otoplastia, é uma cirurgia plástica que visa diminuir a distância entre as orelhas e a cabeça. Em relação às cicatrizes, é quase impossível notá-las, justamente por localizar-se atrás da orelha, no sulco formado por esta e o crânio. Além disso, como se trata de região onde a pele é muito fina, a própria cicatriz tente a ficar “quase irreparável”.

A otoplastia pode ser realizada em qualquer idade. Porém, em crianças recomendamos a execução da cirurgia por volta dos 4-6 anos, ou antes do início da escola, quando cerca de 90% do crescimento final da orelha estará completo. Esta estratégia evita que a criança fique exposta a eventuais traumas psicológicos que resultariam de apelidos e gozações por parte dos colegas.

Ao contrário do que as pessoas pensam, não há perigo algum em realizar a otoplastia e o ato cirúrgico também não é demorado, dura em torno de 90 minutos (bilateral) ou 45 minutos (unilateral).

Após a cirurgia, é comum um edema (inchaço) e equimose (roxidão) moderados nas orelhas, que apresentam enorme regressão em até 21 dias. Depois desse período é comum a sensação de latejamento ou inchaço, principalmente em dias quentes, que também diminuem com o passar do tempo.

 

Passo a passo

Cirurgia Plástica Landecker

Realizada por meio de uma incisão localizada estrategicamente no sulco atrás da orelha, a otoplastia visa posicionar as orelhas mais próximo da cabeça e criar as dobras cartilaginosas que caracterizam esta parte do corpo.

A “rotação” da orelha pode ser executada retirando-se um pedaço da cartilagem da concha (parte côncava adjacente ao orifício do canal da orelha) e/ou simplesmente utilizando suturas.

As dobras são geralmente criadas através do enfraquecimento da cartilagem e da sua moldagem com suturas para garantir a cicatrização dos tecidos na posição correta.

A anestesia usada pode ser local, local com sedação ou geral, dependendo da recomendação médica. O tempo de internação pode variar de um a dois dias.

Cirurgia de Orelhas

A otoplastia é indicada em pacientes com proeminência excessiva e pouca definição nas curvas naturais da catilagem das orelhas.

Cirurgia de Orelhas

Durante o procedimento o cirurgião deve remover os excessos de cartilagem, esculpir as suas curvas e posicionar a orelha mais próximo da cabeça. A cicatriz resultante localiza-se no sulco atrás da orelha.

Cirurgia de Orelhas

O resultado é uma orelha de aspecto natural e característico, posicionada em harmonia com as demais estruturas faciais.

Recuperação

Pacientes submetidos à cirurgia de orelhas devem permanecer em repouso absoluto por 2-3 dias, mantendo a cabeça sempre elevada. O curativo em forma de capacete colocado no final da cirurgia pode ser retirado após 1-3 dias, sendo que o paciente deverá utilizar uma faixa elástica por cima das orelhas por 2-4 semanas.

Devido à delicadeza da cartilagem e às numerosas curvas existentes, o resultado final pode ser analisado somente após a reabsorção total do inchaço, que ocorre normalmente após 2-3 meses. As atividades físicas podem ser retomadas após 3-4 semanas, sendo que qualquer modalidade com risco de traumatismo deve ser evitada por dois meses.

cta-landecker

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votos, média: 5,00 de 5)
Loading...