CARNE ESPONJOSA

Cirurgia Plástica Landecker

A carne esponjosa, também conhecida como hipertrofia de cornetos, é uma anomalia nos cornetos, estruturas nasais interiores que servem para aquecer e umedecer o ar atmosférico, antes que eles entrem nos pulmões, por meio da respiração.

 

Quando os cornetos ficam com um tamanho maior do que o normal, ocasionam problemas respiratórios, pois obstruem a passagem de ar pelo nariz.

Carne esponjosa: causas e sintomas

A carne esponjosa ocorre após repetidas crises alérgicas, quando os cornetos aumentam excessivamente de tamanho. Existem alguns sintomas que podem ajudar a identificar esse problema. Alguns deles são:

 

  • Obstrução nasal.
  • Pigarro.
  • Boca seca.
  • Ronco excessivo.
  • Secreção excessiva.
  • Crises alérgicas.

 

É de extrema importância consultar um médico especialista e confirmar o diagnóstico para dar continuidade escolhendo uma forma de tratamento.

Carne esponjosa: entenda a relação com o desvio de septo

O septo é uma estrutura nasal que serve, basicamente, para separar o lado esquerdo do direito no nariz e guiar a corrente de ar que vai aos pulmões. Quando há um desvio no septo, essa estrutura fica inclinada para um dos lados, que pode ser o esquerdo ou o direito.

 

No lado oposto de inclinação podem nascer pequenos cornetos médios bolhosos. Além disso, ocorre uma hipertrofia do corneto inferior, preenchendo o lado “vazio” e obstruindo ainda mais a passagem de ar.

Carne esponjosa: tratamentos

A carne esponjosa pode ser tratada com medicamentos ou com a cirurgia de rinoplastia estruturada. A rinoplastia, ou cirurgia de nariz, é um tipo de cirurgia que visa a otimização das vias respiratórias e que pode tratar problemas como a carne esponjosa.

 

Essa cirurgia opera com a retirada de ossos e de cartilagem para esculpir um nariz e otimizar as vias respiratórias. Por seguir a filosofia estruturada, com esse tipo de rinoplastia, o médico consegue aplicar enxertos de cartilagem na estrutura nasal, fortalecendo-a consideravelmente.

 

Caso o paciente possua, além de carne esponjosa, desvio no septo, o tratamento só é possível por meio de cirurgia.

Carne esponjosa: a rinoplastia estruturada e a importância de um médico especialista

Como a rinoplastia estruturada é um tipo de cirurgia específica que serve para o tratamento de carne esponjosa, escolher um médico qualificado e especialista é primordial.

 

Todo cirurgião plástico precisa obrigatoriamente ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Pesquisar trabalhos publicados pelo profissional pode ser uma boa maneira de saber qual é sua especialidade.

 

É interessante também ouvir relatos de pacientes que já realizaram a cirurgia e conferir resultados alcançados pelo profissional, para conhecer mais sobre o seu trabalho.

 

São muitos passos, mas vale a pena quando a questão é uma cirurgia complexa como a rinoplastia estruturada.

 

Fonte:

 

Cirurgião Plástico Dr. Alan Landecker (CRM 87043), membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Baixe o e-book e saiba tudo sobre cirurgia de nariz